Menu
Amizade
Amor
Aniversário
Chat
Clipes
Comemorativas
Cumprimentos
Datas Comemorativas
Desculpas
Felicidade
Frases Diversas
Humor
Letras de Música
 » A
  » Adriana Calcanhoto
  » Alcione
  » Adryana E A Rapaziada
  » Agepê
  » Agnaldo Timóteo
  » Alan & Aladim
  » Alceu Valença
  » Alex & Alex
  » Aline Barros
  » Amado Batista
  » Antonio Marcos
  » Ara Ketu
  » Aviões do Forró
  » Axé Bahia
  » Axé Blond
  » Ataíde & Alexandre
  » Alexandre Pires
  » Arnaldo Antunes
  » Agnaldo Rayol
 » B
 » C
 » D
 » E
 » F
 » G
 » H
 » I
 » J
 » K
 » L
 » M
 » N
 » O
 » P
 » Q
 » R
 » S
 » T
 » U
 » V
 » W
 » X
 » Y
 » Z
 » 0-9
Mural de Recados
Pára-choque
Reflexão
Relacionamento
Religiosas
Sabedoria
Saudade
Toques Grátis
Profissões


Pesquisa

Você faria uma cirurgia plástica?

-----------
Sim, por vaidade
Só se houver necessidade
Não, nunca
Votar
 
Resultado

 
Letras de Música » A » Amado Batista 

Amado Batista - Não chore não querida

Eu tenho a boca que arde como o sol,
O rosto e a cabeça quente,
Oh madalena vou me embora
Agora ninguém vai pegar a gente.
Dei minha viola num pedaço de pano,
Um esconderijo e uma água ardente,
Mas um dia eu arranjo outra viola
E na viagem vou cantar pra madalena.

(ref) não chore não querida
Que se deserdo finda,
Tudo aconteceu eu nem me lembro.
Me abraça minha vida,
Me leva em teu cavalo
E logo no paraíso chegaremos.

Vejo fantasmas, cidades e ruínas,
A noite escuto seu lamento
São pesadelos e aves de rapinas
E o sol vermelho no meu pensamento.
Será que eu dei um tiro no cara da cantina?
Será que eu mesmo acertei seu peito?
Vem vamos voando minha madalena,
O que passou passou não tem mais jeito.
Naquela sombra vou armar a minha rede
E olhar os solitários viajantes,
Beber, cantar e matar a mminha sede,
Lá longe onde tudo é verdejante.

(ref) não chore não querida
Que se deserdo finda,
Tudo aconteceu eu nem me lembro.
Me abraça minha vida,
Me leva em teu cavalo
E logo no paraízo estaremos.

O padre vai rezar uma prece tão antiga,
Domingo na capela da fazenda,
Brinco de ouro e botas coloridas
Nós dois aprisionados nessa lenda.
Ouço um trovão e penso que é um tiro,
A noite escura me condena,
Não sei se vivo, morro ou deliro,
Depressa pegar pra madalena.
Tem uma luz por tráz daquela serra,
Mira mas não erra minha pequena,
A noite é longa e há tanta terra
Poderemos estar mortos no'utra cena.

(ref) não chore não querida
Que se deserdo vinda,
Tudo aconteceu eu nem me lembro.
Me abraça minha vida,
Me leva em teu cavalo
E logo no paraízo dançaremos.(bis)

lá lara lara lá,
lá lara lara lara lara
Lara lá ...

Enviar esta Frase / Mensagem para Alguém

Comentários (0)        Imprimir        Topo

Mais Frases / Mensagens:
. Amado Batista - Não aguento mais essa novela (15.05.2008)
. Amado Batista - Não aceito desculpas (15.05.2008)
. Amado Batista - Mulher danada (15.05.2008)
. Amado Batista - Mulher carinhosa (15.05.2008)
. Amado Batista - Morro de ciúme dela (15.05.2008)
. Amado Batista - Minha felicidade (15.05.2008)
. Amado Batista - Meu talismã (15.05.2008)
. Amado Batista - Meu sol, minha lua (15.05.2008)
. Amado Batista - Meu ex amor (15.05.2008)
. Amado Batista - Meu equilíbrio (15.05.2008)

 
Buscar