Menu
Amizade
Amor
Aniversário
Chat
Clipes
Comemorativas
Cumprimentos
Datas Comemorativas
Desculpas
Felicidade
Frases Diversas
Humor
Letras de Música
 » A
 » B
 » C
 » D
 » E
 » F
 » G
 » H
 » I
 » J
 » K
 » L
 » M
 » N
 » O
 » P
 » Q
 » R
 » S
 » T
 » U
 » V
 » W
 » X
 » Y
 » Z
  » Zezé de Camargo e Luciano
  » Zé Ramalho
  » Zeca Baleiro
  » Zélia Duncan
  » Zizi Possi
 » 0-9
Mural de Recados
Pára-choque
Reflexão
Relacionamento
Religiosas
Sabedoria
Saudade
Toques Grátis
Profissões


 
Letras de Música » Z » Zé Ramalho 

Zé Ramalho - Vila do sossego

Oh, eu não sei se eram os antigos que diziam
Eu seus papiros Papillon já me dizia
Que nas torturas toda carne se trai
E normalmente, comumente, fatalmente, felizmente
Displicentemente o nervo se contrai
Ô, ô, ô, ô, com precisão!

Nos aviões que vomitavam pára-quedas
Nas casamatas, casas vivas caso morras
E nos delírios, meus grilos temer
O casamento, o rompimento, o sacramento, o documento
Como um passatempo quero mais te ver
Ô, ô, ô, ô, com aflição!

Meu treponema não é pálido nem viscoso
Os meus gametas se agrupam no meu som
E as querubinas meninas rever
Um compromisso submisso, rebuliço no cortiço
Chame o Padre Ciço para me benzer
Ô, ô, ô, ô, com devoção!


Enviar esta Frase / Mensagem para Alguém

Comentários (0)        Imprimir        Topo

Mais Frases / Mensagens:
. Zé Ramalho -Adimirável gado novo (21.04.2008)
. Zé Ramalho - Avôhai (21.04.2008)
. Zé Ramalho - Chão de giz (21.04.2008)

 
Buscar